Fórum Internacional de Mulheres do Futuro pela Paz do Planeta
  O Dia da Terra é todo Dia

Dia da Terra é Todo Dia!

Nós, da coordenação do Fórum Internacional de Mulheres do Futuro pela Paz do Planeta, estivemos coordenando algumas atividades em homenagem ao Dia Mundila da Terra, como palestras em escolas e grupos de ecologia social.

Registramos aqui alguns links relacionados com os Grupos Artforum Mundi Planet e Artforum Brasil UNIFUTURO. Foi divulgada a Carta da Terra, de Leonardo Boff, em sua versão integral, no blog "Fórum Cidade Artes do Mundo" e no blog do "Projeto Universidade Planetária do Futuro", dos Grupos Artforum Brasil UNIFUTURO.




Brasil, 23 de abril, de 2010
Grupos Artforum Mundi Planet
Fórum de Mulheres do Futuro pela Paz do Planeta


Veja nos links essas matérias importantes:
http://forumculturaldomundo.zip.net
.
http://projetoartforumuniversidade.blogspot.com

Agência Artforum Inovatus
Edição: Ana Felix Garjan
http://artforum-inovatus.blogspot.com



Escrito por Artforum Mundi &Ana F. Garjan às 00h26
[] [envie esta mensagem] []


 
  BRASÍLIA 50 ANOS - Arte do Tempo

Os Grupos Artforum Mundi Planet e Artforum Brasil
UNIFUTURO homenageiam Brasília - 50 anos.

Parabéns, maravilhoso povo de Brasília! Parabéns à sua memória histórica, cultural e artística da capital do Brasil! Parabéns, Brasil, pela encantadora cidade de Brasília, que representa milhares de sonhos brasileiros! Parabéns! Nós, do "Fórum Cidade Artes do Mundo", dos Grupos Artforum Brasil Unifuturo prestamos homenagem a Brasília-50 anos, através da poética escrita por Gladys Morais, em 2006.

"Lembranças e paisagem federal"

Por Gladys Morais


Em um exercício de memória vou lembrando que alguns escritos dão o sinal da cruz como um dos primeiros traços na intenção da capital sonhada por JK, mas logo me vêm à lembrança diversas outras informações, de que o esboço da capital federal passou por concurso e sua magistral elaboração coube ao arquiteto e urbanista Lúcio Costa, filho de brasileiros, mas nascido em Toulon, na França, que teria se inspirado nas asas de uma borboleta e, por isso, planejado o que bem conhecemos hoje como Plano Piloto, composto de Asa Sul e Asa Norte, além das cidades-satélites que ajudam a compor todo o Distrito Federal. Embora a versão mais conhecida relacione sua inspiração às asas de um avião, a iconografia nos permite saber que:

O mundo, que do antes  do fim era de barro, aparência areia tinha vermelha e  ganhou perspectivas com novos tornos e de identidade muita harmonia, precisão e pela intenção político-presidencial de Juscelino Kubitschek, que anteviu uma capital no cerrado, no centro do planalto; pela luminosa inspiração de Lúcio Costa, que viveu  95 anos sem que lhe tenha sido concedido o merecido título de cidadão brasileiro; e pelo talento secular de Oscar Niemeyer, querido arquiteto, o de maior projeção nacional, cuja visão consegue lapidar o concreto e vislumbrar o essencial, de bem-estar de uma população, dêem graças porque essa cidade tão desejada resultou numa beleza geométrica, por vezes de assimetria enigmática, sofisticada, mas quando compreendida, tão simples, tão prática, cartão-postal, Cidade seus monumentos  modernos trazem o gene que dispensa o teste de DNA e são assim apresentados: para  os católicos, turistas nacionais ou estrangeiros, a Cadetral, simbolizando céus; mãos erguidas aos dando graças para o exercício legislativo-administrativo, a Praça dos Três Poderes e muitos palácios...

... O do Planalto, o da Alvorada... tantos assim que um dos presidentes dessa República sentia-se o próprio rei; ainda, para o exercício da diplomacia, o Palácio do Itamaraty (ou Ministério das Relações Exteriores); para o exercício da alegria, o Teatro Nacional Cláudio Santoro... para a expansão do conhecimento, o Museu de Brasília (sob forma de um disco voador) e a Biblioteca Pública.

Enfim, são inúmeros, interessantes e belos edifícios. Brasília, uma esplanada de mistérios, seus pontos turísticos, suas largas avenidas, muitas flores, multicores, seus ipês amarelos... Uma paisagem assim não merece a ação dos pichadores, nem dos políticos malfeitores, que se valem da impunidade para inaceitável desconstrução. Mas como transmitir a outrem essa abstrata constatação, que faz aflorar o discernimento e reconhecer o que realmente tem importância? 

Quanta complexidade. Às vezes parece que tudo já foi dito, em muitos discursos e efeitos que se esgotam em cada circunstância, por isso também vale silenciar, num protesto mudo, de aparente resignação, depois mais resistência, em nome da esperança vital, pois os reais valores funcionam como lentes ampliadoras da percepção: fazem-nos  cientes  do  percurso  da  história e do que  é  preciso preservar.

Brasília, Patrimônio Histórico da Humanidade, detentora de elevado IDH e não menos elevado custo de vida, a nossa capital federal, como toda cidade, abriga bons e maus cidadãos, nativos ou oriundos de todos os estados do país ou de qualquer parte do mundo, lamentável que seja denegrida por todo tipo de alusão, piada ou ironia em decorrência da fama negativa que a política lhe projetou.

No entanto, a melhor projeção se encontra nas salas de cinemas nos grandes shoppings – apesar do alto custo dos ingressos, diga-se de passagem - e nos aprazíveis centros culturais, com seus palcos que propiciam belas peças teatrais e shows de belíssima produção –  também com ingressos caríssimos, não se deve omitir esse detalhe, mas com algumas ondas de promoções, marés de preços simbólicos e até gratuidade, somadas a atrações artísticas irresistíveis, resultantes de projetos benquistos como:

Arte por Toda Parte (que já adotou sucessivos nomes), Cultura em Conjunto (no shopping Conjunto Nacional), Vitrine MPB (no shopping Pátio Brasil), Cultura em Conjunto Premium (na sala Villa Lobos do Teatro Nacional),  Caixa Cultural (no teatro da C.E.F).



O que mais poderia dizer de uma cidade sonhada, que persiste e se refaz com muito encanto e sonoridade? Trouxe à luz a Legião Urbana, do saudoso Renato Russo e seu rock literário, projetou a não menos talentosa cantora Cássia Eller, que também já integra a constelação da eternidade, e foi aqui também que, dentre muitos, despontaram o Paralamas, a Zélia Duncan, o Capital Inicial, artistas de peculiar integridade e respeitável trajetória musical.

Aqui, onde o horário é referência nacional (até o polêmico horário de verão), é uma cidade-resistência, cidade-sonora, cidade-amplidão, da Feira do Livro, do circuito alternativo, cidade-cultural, cidade-canção.

Ainda bem que nem tudo aqui é conchavo, disputa pelo enriquecimento a qualquer preço. Em Brasília, uma cidade eminentemente administrativa, há espaço para as artes, o sonho e tudo o que pareça louco.

Em suma, tudo o que se disser, no intuito de adjetivá-la, ainda é pouco...
 
Quem já contemplou o céu de Brasília, no crepúsculo ou no alvorecer, no contraste das cores e suas múltiplas combinações, sombras, luminosidade... ou numa noite significativa, uma lua sem igual...há de compreender que os reais cidadãos brasileiros, brasilianos, brasilienses merecem um Brasil à altura dessa paisagem federal. 

......


Síntese da História de Brasília pela CONAE 2010

Brasília, a capital da República Federativa do Brasil, localizada no território do Distrito Federal foi inaugurada em 21 de abril de 1960, pelo então presidente Juscelino Kubitschek, sendo a 3ª capital do Brasil. A partir dessa data iniciou-se a transferência dos principais órgãos da administração federal para a nova capital com a mudança das sedes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário Federais. (...).

No dia 02 de outubro de 1956, em campo aberto, o presidente Kubitschek assinou o primeiro ato no local da futura capital, lançou então a seguinte proclamação: “Deste planalto central desta solidão que em breve se transformará em cérebro das altas decisões nacionais, lanço os olhos mais uma vez sobre o amanhã do meu país e antevejo esta alvorada com fé inquebrantável e uma confiança sem limites no seu grande destino”.

Em 1891, o artigo 3º, da Constituição promulgada naquele ano determinava uma área de 14 mil quilômetros quadrados seria demarcada no Planalto Central, para onde seria transferida a futura capital do País. Em 1955, o presidente Café Filho delimitou uma área de 50 mil quilômetros quadrados, onde hoje é o atual Distrito Federal. No ano seguinte, o presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira começou o processo de instalação da Nova Capital. Lúcio Costa partiu do traçado de dois eixos, cruzados e em ângulo reto, como uma cruz para criar o projeto urbanístico brasiliense.

Os dois eixos foram chamados de Rodoviário e Eixo Monumental. O Eixo Rodoviário, que cortaria as áreas residenciais do Plano Piloto, foi levemente arqueado para dar à cruz a forma de um avião, nascendo, assim, a Asa Norte e Asa Sul. Enquanto o Eixo Monumental, com 16 quilômetros de extensão, seria destinado para as autarquias e monumentos. Ele foi dividido da seguinte maneira, no lado leste prédios públicos e palácios do governo, no centro a Rodoviária e a Torre de TV; e no lado oeste os prédios do Governo do Distrito Federal. No dia 21 de abril de 1960 foi inaugurada a nova capital do Brasil.

O planejamento urbanístico de Lúcio Costa previa 500 mil habitantes no ano 2000. Em janeiro deste ano, chegamos a 2 milhões de habitantes, quatro vezes mais que o planejado. No último censo realizado pelo IBGE em 2000 foi indicada uma população de 2,05 milhões de habitantes, sendo 1,96 milhões na área urbana e cerca de 90 mil na área rural. As últimas projeções do IBGE em 2004 indicam que a população total já esteja em cerca de 2,36 milhões de habitantes.

O nome Brasília foi sugerido em 1823 por José Bonifácio e encaminhado à Assembléia Geral Constituinte do Império. 150 anos depois do chanceler Veloso de Oliveira ter apresentado a idéia ao príncipe-regente. Desde 1987, a Unesco reconhece Brasília como Patrimônio Histórico e Universal da Humanidade.

CONAE - Conferência Nacional de Educação
http://conae.mec.gov.br


Brasil, 21 de abril de 2010

Grupos Artforum Brasil UNIFUTURO
Universidade Planetária do Futuro
www.cidadeartesdomundo.com.br
.
www.artforumunifuturobrasil.org

Edição: Ana Felix Garjan
Artforum Cultural Inovatus



Escrito por Artforum Mundi &Ana F. Garjan às 19h17
[] [envie esta mensagem] []


 
  O Brasil está de luto pela catástrofe no Rio

 


Flores de luto pela trajédia do Rio

Nós brasileiros estamos de luto pela tragédia ocorrida no Rio, no dia sete de abril de 2010, terça-feira, no Morro do Bumba!

Nossa solidariedade aos moradores vivos, nosso tributo aos 229 mortos, aos 100 desaparecidos! Nosso abraço de solidariedade e lamento às 11 mil pessoas desabrigadas.

Que Deus os proteja de novas catástrofes! Mas os culpados são os políticos e os governos que não tiveram, ao longo dos anos, a devida atenção aos brasileiros cariocas, que foram morar em áreas de risco e sobre morros de lixo em combustão!

Após todas as reportagens sentimos que o Brasil ainda sofrerá muitas catástrofes lamentáveis, que resultam do descaso dos governos. 

Lamentamos muito o terremoto no Haiti, em janeiro deste ano. Mas ao vermos nossos irmãos brasileiros do morro do Bumba e de outros ao redor, nas tragédias dessa semana, nosso coração sente uma dor diferente, um choro na alma, uma angústia brasileira maior, pois desde o dia primeiro de janeiro desde ano, a partir da trajédia em Angra dos Reis, outras aconteceram em São Paulo, em Santa Catarina, no Rio Grande do Sul, em outros países.

Mas parece que as trajédias vão continuar.... E o planeta reage ao aquecimento global. A natureza dá avisos constantes, através de diversas formas! A natureza pede socorro aos habitantes da Terra! Qual será a próxima catástrofe? Po se ser agora ou a qualque rmomento! As placas geológicas da Tera estão em processo de acomodação, mas o homem provoca muito!

Brasil, 11 de abril de 2010

Fórum Internacional de Mulheres do Futuro pela Paz do Planeta
Grupos Artforum Mundi Planet e Brasil Unifuturo - 10 anos

Edição: Ana Felix Garjan
www.artforumunifuturobrasil.org
www.cidadeartesdomundo.com.br



Escrito por Artforum Mundi &Ana F. Garjan às 22h34
[] [envie esta mensagem] []


 
  I Salão Internacional de Artes Plásticas em Miami

I Salão Internacional de Artes Plásticas "Talentos", em Miami - EUA

A Sra. Adaljiza Marta Machado Cuan
Divulga o "I Salão Internacional
de Artes Plásticas
"Talentos", em Miami - EUA.






I Salão Internacional de Artes Plásticas “Talentos”


REGULAMENTO


I. Do Objetivo:

Art. 1° - O I Salão Internacional de Artes Plásticas – “Talentos”, de 16 a 26 de junho na TAO Art Gallery e Graham Center Art Gallery da Universidade Internacional da Flórida – Miami, e tem como objetivos:

a) Estabelecer um Intercâmbio Artístico e Cultural Internacional.

b) O ECCOS e a The Arts Office Brasil visa divulgar os Artistas Plásticos Brasileiros e estrangeiros profissionais ou amadores, Estudantes de Arte e suas Obras nos EUA.

Art. 2° - Com a Iniciativa e Organização do ECCOS – Suzano - SP e The Arts Office. Inc. Net – Lauderhill e Graham Center Art Gallery da Universidade Internacional da Flórida – Miami - Flórida, este Salão de Artes é aberto somente aos artistas com idade mínima de 16 anos e o Tema é livre.

Art. 3° - O formulário para inscrição deverá ser devidamente preenchido, assinado e juntamente com a obra entregue ao Espaço Cultural Colégio Suzano – ECCOS,
Rua 27 de outubro 271 centro – Suzano – SP CEP. 08674200
A/C POlicarpo Ribeiro Ou, por email em formato digital para dalboituva@uol.com.br  ou comendadora@hotmail.com
duranteo período de 10 de Fevereiro a 30 de abril 2010.

a) Anexar junto ao formulário as duas fotografias das duas Obras inscritas, uma foto pessoal e o comprovativo do pagamento da inscrição, conforme Artigo 12º. AS Fotos servirão de documentação de registro no IPHAN e catálogo virtual.

Art. 4° - Cada Artista poderá inscrever uma Obra por inscrição, em uma ou em mais categorias, acima de uma inscrição o artista terá desconto de 15% nas demais inscrições.
As obras deverão estar em perfeito estado de conservação e disponíveis para exposição
na Graham Center Art Gallery da Universidade Internacional da Flórida – Miami, em Junho de 2010.


Art. 5° - As Obras inscritas poderão ter no máximo 0,50 x 0,50 cm na sua maior medida, tela virada, sem moldura. Ate 1,00 x 1,00

Art. 6° - Os Artistas deverão enviar as Obras, devidamente embaladas, para o endereço
do ECCOS. Só será premiada uma Obra de cada Artista.

a) Os custos de envio e retorno das Obras no Brasil ficam a cargo do Artista. O transporte aos EUA e volta será por conta do ECCOS.

b) Os Artistas que queiram enviar diretamente aos EUA o endereço para entrega :

TAO5448 -5458 NW 19th Street
Lauderhill, FL 33313 A/C Tonietta Walters - TEL: 954 554 4810

Art. 7° - Poderão ser inscritas: pintura a óleo, mista, acrílica, aquarela, guache, pastel, desenho a nanquim, grafite, fotografia, vídeo-arte.

Art. 8° - Não será possível as inscrições de Obras de Artistas já falecidos.

Art. 9º - Os Organizadores isentam-se das responsabilidades por perdas ou danos nas Obras em caso de acidente.

Art. 10º - No formulário de inscrição consta a declaração do Artista ou do seu Representante em como aceita as condições dispostas no Regulamento, nomeadamente
a irreversibilidade das decisões dos Organizadores e dos Membros do Júri.


Art. 11º - Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela Organização.

Art. 12° - Da Taxa de Inscrição:
2 Obras R$ 500,00
1 Obra R$300,00 por obra

II. Das Instruções: DEPÓSITO
Policarpo José Ribeiro
Banco Itau agencia 7428 - conta 30049 0 - CPF. 08942569803

II. Da Seleção e Premiação
Art. 13° - A Organização do Salão, fará realizar nas dependências da Galeria do ECCOS, Uma Pré mostra do Salão.
Art. 14° - Serão outorgados os seguintes Méritos, a critério do júri:

Obs.: Só será premiada uma Obra de cada Artista.

Categoria Moderno, Contemporâneo:
a) 15 Menções Honrosas.
b) Uma Medalha de Ouro, Uma Medalha de Prata e Uma Medalha de Bronze.
c) Um Troféu – Júri Popular.

Categoria Acadêmica:
a) 15 Menções Honrosas.
b) Uma Medalha de Ouro, Uma Medalha de Prata e Uma Medalha de Bronze.
c) Um Troféu – Júri Popular.

Art. 15° - O resultado da Premiação será divulgado no site da The Arts Office (www.theartsoffice.net) a partir de dia 01 de julho 2010.
Todos os Artistas inscritos receberão um Certificado de Participação.

Art. 16° - Os Artistas poderão optar por fazer o retorno das suas Obras no término da Mostra ou, as Obras poderão permanecer na Galeria TAO pelo prazo de um ano, caso
os Autores manifestem interesse em continuar a expôr no EUA.


*Aos artistas queiram viajar aos EUA para a exposição o ECCOS dará todo suporte necessário como:

Documentação (cartas convites)
Reserva em Hotel U$500 semana para duas pessoas – pagamento até 01 de maio –
“Inverrary Resort Hotel”.


Passeios: Lauderhill, Hollywood, Homestead, SawGrass (compras), Miami Beach.
Disney e Orlando estão próximos, 4h00 de carro de Lauderhill.
Todos os gastos com documentação, estadia, e passeios por conta do artista.

Abertura do Salão:
Vernissage nos EUA dia16/junho/2010, visitação até dia 26/junho/2010.

Galeria TAO 5448 – Lauderhill – Grahan Center Art Gallery-Universidade Internacional
da Flórida -
Miami.

Divulgação dos premiados; Medalhas e menções honrosas na abertura.

Divulgação do Premiado Juri Popular dia 23/junho/2010

Catálogo virtual on line e CDROOM a partir de 15/maio/2010.
Regresso dia 21/junho/2010.

Organização:
ECCOS , The Arts Office.Inc.net e
The FIU Graham Center Gallery

Curadoria:
Policarpo Ribeiro, Pedro Neves e Marcos Leandro, Adaljiza M.M.Cuan
Annual ECCOS International Competition & Exhibition at The FIU Graham Center Gallery

Peça  sua fica de inscrição através dos emails:
comendadora@hotmail.com e anafelixgarjan@gmail.com



Grupos Artforum Brasil Unifuturo
Revista Artforum Cultural Inovatus
http://revistaartforumcultural.blogspot.com


Escrito por Artforum Mundi &Ana F. Garjan às 01h33
[] [envie esta mensagem] []


 
  Feliz Páscoa para a Humanidade

Feliz Páscoa para os brasileiros
e para a Humanidade!




 Significado da Páscoa para os Cristãos. 

Desejamos que Jesus Cristo entre no coração de cada pessoa da humanidade e visite cada família, cada cidade, cada país. Que Ele visite cada cidade que foi destruída pelos terremotos deste ano de 2010. Que Jesus abençoe cada lar improvisado no Haiti e em tantas outras cidades que foram destruídas pelas chuvas e tsunamis, nesses três meses de 2010.
 

Entre os primeiros cristãos, esta data celebrava a resurreição de Jesus Cristo. A celebração era realizada no domingo seguinte à lua cheia posterior ao equinócio da Primavera (21 de março). A semana anterior à Páscoa é considerada como Semana Santa, que teve início no Domingo de Ramos e que marca a entrada de Jesus na cidade de Jerusalém.

Desejamos justiça e paz aos brasileiros, à humanidade, às famílias do mundo! Desejamos paz à natureza, aos animais! E que a Vida se renove em cada canto da terra, em cada familia, em cada cidadão planetário! Que a partir deste mês de abril de 2010 - último ano da primeira década do século XXI, a primavera seja a estação permanente no coração de cada cidação e cidadã do planeta, para que nasçam a esperança nova, uma justiça, um novo tempo no mundo! Que a Paz, o Amor sejam os nossos melhores caminhos rumo ao futuro.

Brasil, 04 de abril de 2010

Fórum Internacional de Mulheres pela Paz do Planeta
Grupos Artforum Brasil Unifuturo
Cooredenação: Ana Felix Garjan
http://forumculturaldomundo.zip.net



Escrito por Artforum Mundi &Ana F. Garjan às 23h38
[] [envie esta mensagem] []


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
Meu perfil
BRASIL, Mulher, Portuguese, French, Arte e cultura, Viagens, Projetos Eco-Culturais
MSN -


HISTÓRICO


    CATEGORIAS
    Todas as mensagens
     Arte, Cultura e Ecologia Humana



    OUTROS SITES
     Sociedade Mulheres do Futuro
     Fórum Internacional de Mulheres do Futuro
     Fórum de Mulheres do Futuro
     Fórum das Artes &Cultura da Paz 21
     Universidade Planeta & Paz
     Ana Felix Garjan - Artes e Póeticas AlmaAzul
     ArtMundi Garjan
     POESIARTE - Luiza Caetano - Portugal
     ONDA - Projetos de Arte e Cultura da Paz
     Vieiros - Opiniões femininas
     Marta Peres - O Rebate
     Luiza Caetano
     Cantora Sivilí - site oficial
     Artistas Solidários
     Vida Em Poemas - Rosane Silveira
     Antologia Dellicata - Luiza Moreira
     Século e Arte - Viviane Spena
     Arte com Classe - Fernanda Medeiros
     Arte pela Paz - Lis Onda
     Mãe Natureza
     Planeta Terra
     Eco Amigos - Claúdia Costa
     Folha Verde - Mercedes Lorenzo
     Folha Zen
     Amazônia para Sempre
     Clã dos Ciclos Sagrados
     Terrae de Ophiussa - Sabrina Alves
     CMS- Chile- Consciencia, Mujer, Solidariedade
     Fórum Novo Mundo Melhor - A.F.Garjan
     RITMAR - Nadia Stabile
     Holístico & CIA
     Amor aos animais
     Fractais - Fátima Queiroz
     Petição de Apoio ao Tibet e ao Dalai Lama
     Vera Ferro - Artes Plásticas e Projetos
     Tita do Rêgo Silva - Artes Plásticas - Alemanha
     Grupo Corpo - Dança
     Blogosfera Solidária - Fátima Queiroz
     Artforum Brasil XXI - Ana Felix Garjan
     AVAAZ - Defesa das grandes causas do mundo
     Easy Mundi - Atitudes Humanistas
     Fórum das Artes e Culturas do Mundo
     Yinsights - Feminino Essencial em Rede
     Forum Social Mundial
     VEM Esfriar o Mundo - Plante uma árvore!
     Academia Cultural "Cora Coralina"
     Mulheres do Mundo do Futuro
     STOP CANADA'S
     Absoluta Online
     Academia de Artes e Poéticas Clarice Lispector
     Poetas e Artistas do Mundo/Artforum Mundi
     Arte e Poéticas Ana Felix Garjan
     La Maison D'Art Ana Felix Deva Garjan
     Projeto Academia de Artes Literárias/Artforum
     Manifesto Verde pela Paz da Humanidade/Arforum Mundi Planet
     Comunidade Poesia da Alma Azul - Ana Felix Garjan - Orkut
     CANDLE TIBET
     REVISTA CULTURA
     Vamos resfriar o Mundo - Ana Garjan
     1ª Antologia "Cartas ao Futuro" - Mulheres Contemporâneas/Artforum Mundi
     Tributo ao Planeta por Ana Felix Garjan/Artforum Planet
     Escola de Ecologia Humana Mandala Zen - Orkut
     Sociedade Mulheres do Futuro/Artforum - Orkut
     Fórum das Artes e Cultura 21-/Artforum - Orkut
     Tempo In - Verso - Elza Fraga
     Soninha Porto - Alma de Poeta
     Helena Jorge Poetisa
     Soninha Poetisa
     Terra Agora - Portal para o Futuro
     Terra Agora - 2012
     Década da Cultura da Paz - Comitê Paulista
     Magdala - Feminino Essencial Sul
     Ana Luisa Kaminski - Pintora
     Ana Luisa Kaminski - Arte
     Ana Luisa Kaminski - Poética
     Cristiane Campos - Artista Plástica
     Contos de Lara Lunna
     Dototy Dimolitsas - Alam de Poeta
     Rosane Silveira - Poetisa
     Amarte-Espaço Cultural
     Poemas e Sonhos da Ro Daros
     Selma Del Bosco
     Voz de Água
     Rosane Silveira - site
     Universo & Via Láctea
     Jaqueline Winter - Arte e Poesia
     Revista Artforum Inovatus
     Projeto Universidade Planetária do Futuro
     Agência Artforum Inovatus
     Academia Majestade Arte - Poesia do Mundo


    VOTAÇÃO
     Dê uma nota para meu blog!